Agora… é só inovação

mercado_alimentar_logo_agrotech_campus-oeiras_color3Mais investigação e inovação nas áreas do agroalimentar, veterinária e florestal. O AgroTech Campus de Oeiras reúne mil investigadores que apostam na inovação nestes três setores em grande crescimento.

“O primeiro ecossistema de investigação e inovação dedicado inteiramente aos setores agroalimentar, veterinário e florestal” em Portugal. É desta forma que é apresentado o consórcio que reúne o Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária (Iniav), o Instituto de Tecnologia Química e Biológica António Xavier (ITQB) da Universidade Nova de Lisboa e o Instituto de Biologia Experimental e Tecnológica (IBET).

A funcionar na Quinta do Marquês, em Oeiras, o AgroTech integra mais de mil investigadores, “dedicados inteiramente a aumentar a competitividade nacional e a capacidade exportadora das empresas portuguesas”, salienta Cláudio Soares, diretor do ITQB.

Com os setores do agroalimentar e florestal a crescer e a exportar acima da média nacional e a criar bastante emprego, o projeto pretende “colmatar a falta de massa crítica e de escala em alguns domínios destes setores”, refere Nuno Canada, presidente do Iniav. Uma estratégia que permitirá, adianta, “estimular a investigação e a oferta de tecnologias de ponta com aplicação nas indústrias agroalimentar, veterinária e florestal”.

Assumindo a dinâmica de “unir esforços no sentido de ajudar a fileira agroalimentar e florestal e focar a capacidade instalada nas suas necessidades de trabalho”, o consórcio quer estimular a investigação e inovação alicerçada em estruturas tecnológicas no domínio agroflorestal, avaliar a utilização farmacológica e nutracêutica de moléculas de origem vegetal, incentivar a investigação sobre doenças emergentes animais, de risco para a saúde humana, e promover o estudo sobre a produção de recursos renováveis e a sua conversão em alimentação humana e animal.

O projeto visa ainda o desenvolvimento de vacinas e kits de diagnóstico para as áreas da saúde animal, segurança alimentar e sanidade vegetal e o apoia na formação especializada de técnicos e investigadores, nomeadamente em agrobiotecnologia, agroindústria e floresta.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s