Mel: É só pressionar a saqueta!

mercado_alimentar_iellow_multifloral

O objetivo da Iellow é promover o aumento do consumo de mel

Iellow é uma marca portuguesa que aposta em levar o mel a sítios nunca imaginados. O mel é 100% português, a embalagem é 100% original.  

Alguma vez pensou em levar mel na sua carteira? Ou no saco do ginásio? Ou até mesmo no bolso? Agora já pode. As unidoses da Iellow são versáteis e práticas ao ponto de tornar o produto acessível em qualquer momento do seu dia.

O objetivo é promover o consumo do mel. E por quê? “É um produto saudável, uma alternativa ao açúcar e aporta benefícios nutricionais”, esclarece Maria Teresa Azóia, responsável pelo projeto.

Ao Mercado Alimentar, Maria Teresa Azóia conta que a premissa inicial para o desenvolvimento do produto foi substituir o açúcar pelo mel nos hábitos alimentares diários. Depois de várias ideias, na vertente de produção, terem ficado pelo caminho, o projeto da Escola Agrária de Santarém, por ganhar forma e consistência pela vertente do consumo. O embalamento do mel em unidoses aporta o fator inovar na forma como consumimos o mel, tornando-o mais acessível. “Nem é preciso cortar a embalagem. Basta dobrar ao meio para permitir que o mel caia, sem sujar e na quantidade certa. Depois a embalagem volta à sua versão original”, conta. Uma opção inovadora que pretende apostar num mercado alargado, a começar pelo consumidor final, desportistas, passando pela hotelaria.

Maria Teresa Azóia admite que a mudança de hábitos de consumo é um processo moroso, mas acredita nas potencialidades do produto, a nível nacional e internacional. E dá como exemplo o segmento do desporto, já que a maioria dos produtos disponível na nutrição desportiva é sintetizada, e o mel “é um produto natural , com benefícios ao nível da performance dos atletas.”

Disponível na versão “Mel Urze”, “Mel Multifloral” e “Mel Rosmaninho” e em caixa com 25 saquetas -5 ou 15 gramas – e um preço médio de 4 euros e 7,5 euros, a marca Iellow já soma prémios de reconhecimento no setor agroalimentar. Depois da medalha de ouro no Concurso Nacional de Embalagem do Mel, e do segundo lugar no Concurso Poliempreende, a Iellow alcançou o terceiro lugar no Concurso de Empreendedorismo e Inovação Crédito Agrícola.

Em termos de recomendações de consumo: “Uma dose por dia nem sabe o bem que fazia”, aconselha a responsável.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s