Mais frutos secos contra a diabetes

nozesO consumo de gorduras insaturadas, presentes em óleos vegetais e frutos secos de casca rija, está associado ao abrandamento da progressão da diabetes tipo 2 nos indivíduos com pré-diabetes. O estudo é do King’s College London, no Reino Unido.

A substituição de gorduras saturadas por gorduras insaturadas interfere positivamente no controlo da diabetes. Neste estudo, os investigadores do King’s College London, no Reino Unido analisaram até que ponto uma intervenção dietética direcionada poderia ter impacto adicional nos pacientes, paralelamente a um programa de perda de peso. É que tudo indica que a perda de peso é considerada a forma mais eficaz de prevenir a progressão da diabetes nos pacientes com pré-diabetes.

Os investigadores contaram com a participação de pequenos grupos de indivíduos com uma ampla gama de níveis de glucose: 15 indivíduos saudáveis, 14 atletas, 23 obesos, 10 com pré-diabetes e 11 com diabetes tipo 2. Após realizadas análises aos níveis de glucose e dos ácidos gordos de todos os participantes fez-se uma avaliação das dietas através de um questionário dietético.

O estudo publicado na revista PLOS One apurou que quando a captação de glucose estava disfuncional, a substituição de gorduras saturadas por insaturadas abrandava o desenvolvimento da diabetes. Este efeito benéfico pode ficar a dever-se ao facto de as gorduras polinsaturadas promoverem a captação de glucose pelos recetores nos músculos.

Já nos indivíduos cujos fígados produzem glucose em demasia, verificou-se que a redução da ingestão de gorduras saturadas diminuiu a progressão da diabetes, mas a substituição por gorduras insaturadas não teve qualquer efeito.

Para Nicola Guess, líder do estudo, estas conclusões sugerem que o aumento do consumo de gorduras insaturadas pode ter um efeito benéfico para os pacientes com determinado tipo de pré-diabetes.

A pré-diabetes é uma condição em que os níveis de glucose no sangue são mais elevados que o normal, mas não tão elevados para serem classificados como diabetes tipo 2. Estudos anteriores sugerem que a pré-diabetes pode ser dividida em duas condições distintas: uma na qual o fígado produz demasiada glucose e outra em que a glucose não é captada adequadamente pelos músculos.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s