10 Razões para comer sopa!

sopa fria

Apesar de ser verão, não há razões para afastar a sopa do cardápio. Lembre-se que as sopas frias são uma excelente fonte de hidratação e uma alternativa às saladas, já que aproveitam os alimentos da época e são nutricionalmente uma mais-valia para o organismo. É o caso do Gaspacho (tomate), da cenoura ou do pepino.

Já reparou que as as sopas frias são elaboradas à base de produtos leves e têm cores fortes? Mais do que cativar os olhos, ingredientes como o tomate, a cenoura ou a abóbora são fonte privilegiada de antioxidantes, nutrientes que reforçam as defesas do sistema imunitário. No caso do licopeno, que confere a cor avermelhada ao tomate, a sua ação manifesta-se na prevenção das doenças cardiovasculares e de alguns tipos de cancro.

Um outro antioxidante, o betacaroteno, presente em alimentos como a cenoura, abóbora ou beterraba é conhecido, entre outras caraterísticas, por ajudar a fixar o bronzeado. Uma dica: quanto mais forte for a cor, maior a concentração deste nutriente.

Mas há outras razões que levam a Direção-Geral de Saúde a recomendar o consumo de sopa todos os dias.Disponibiliza quantidades muito significativas de nutrimentos (vitaminas, minerais);

  • Possui substâncias protetoras do nosso organismo, que nunca chegariam a ser absorvidas de outra forma;
  • Fácil digestão;
  • Boa fonte de hidratação;
  • A sopa, no início de uma refeição aumenta a produção biliar, reduz os teores de colesterol;
  • Consumida no início da refeição, promove, também, a libertação gradual de insulina, estimulando o apetite e saciando precoce e continuamente;
  • Ao contrário de outras preparações culinárias, não possui quantidades significativas de tóxicos, antinutrimentos ou alergénios de ocorrência natural;
  • Em função dos ingredientes que possui pode ser mais ou menos calórico, mais ou menos hidratante, ter mais ou menos sal, ter mais ou menos fibra. Esta flexibilidade tornam a sopa o alimento ideal para qualquer idade e para qualquer estado de saúde;
  • A sopa é ainda um tipo de confeção económico, relativamente rápido e que pode ser preparado antecipadamente para ser aquecido e servido apenas na hora;
  • Para além das questões da saúde e da nutrição, as sopas de qualidade, pertencentes ao receituário tradicional português, revelam do ponto de vista “histórico, etnográfico, social e técnico, evidenciando os valores de memória, antiguidade, autenticidade, singularidade ou exemplaridade” o que lhes permite justificar o estatuto de património cultural.

 

Saiba mais aqui.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s